Capacete deixa motorista dirigir carro com o poder da mente

 

Pesquisadores alemães modificaram um carro para que possa ser dirigido, por meio de um capacete (headeset, em inglês) com uma ferramenta de EEG (eletroencefalografia, em português), que permite ao usuário controlar algo – seja um videogame ou um carro – apenas com o poder da mente.
Raul Rojas e sua equipe, da Universidade Freie, na Alemanha, desenvolveram um modelo de carro autônomo. Os pesquisadores usaram ferramentas da Emotiv, uma empresa americana conhecida por fabricar capacetes para jogos acionados por meio da leitura da mente.
Revelado nesta segunda-feira (21) pelo site Popsci, o vídeo de demonstração da experiência mostra um Passat modificado que usa essas mesmas ferramentas. Ele mapeia alguns padrões de atividade cerebral para cada comando, que, então, é repassado ao carro, para que o execute.
Como essa primeira versão tem um atraso de alguns segundos, ainda não pode ser usada nas ruas, mas o sistema funciona, como mostra o vídeo.
No futuro, deverão ser desenvolvidos vários tipos de usos para esse tipo de dispositivo, como soluções para deficientes físicos, por exemplo, mas ainda é preciso criar um volante na forma de joystick ou de um painel, caso seja necessário assumir o controle do carro.
A EEG (eletroencefealografia) estuda o registro gráfico das correntes elétricas desenvolvidas no encéfalo, realizado por meio de eletrodos aplicados no couro cabeludo.

Gostou das postagens? Que tal compartilhar? Indique!
Clique acima e compartilhe por e-mail, Twitter, Facebook...