Disfarçados de carteiro, policiais prendem quadrilha que roubava vans dos Correios em SP

A Polícia Civil de São Paulo realizou nesta quarta-feira (2) uma operação para prender uma quadrilha especializada em roubar vans dos Correios e de empresas de entregas de mercadorias.

Chefiados pela 3ª Delegacia de Patrimônio do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic), policiais usaram um disfarce na ação de hoje na Vila Cachoeirinha, na zona norte da capital paulista.

Representantes dos Correios forneceram um veículo e uniformes idêntico aos dos funcionários. Os policiais assumiram as entregas pela manhã. Eram dois investigadores na frente - condutor e ajudante - e outros quatro no compartimento de cargas.

Os policiais disfarçados acabaram abordados na rua Afonso Lopes Vieira por quatro motos e oito indivíduos. O motorista e o ajudante simularam a rendição e concordaram em abrir o compartimento de carga.
Os investigadores, escondidos no baú, aguardavam a abertura da porta. Quando ela foi aberta, anunciaram que os bandidos estavam presos. Apesar da voz de prisão, o cobrador M.T.S., de 28 anos, atirou na equipe. Ele acabou atingido no peito e rosto - e morreu.
Os investigadores também detiveram o padeiro D.S.M., de 42 anos. Tanto ele quanto M.T.S. apresentavam passagens por roubo. Os policiais apreenderam um revólver calibre 38 e uma moto Honda CG 125. Outros integrantes do bando fugiram.

As investigações começaram em dezembro. A equipe preparou um levantamento das ações dessas quadrilhas. Os alvos são as vans responsáveis pela entrega de objetos eletroeletrônicos. A região que apresentava os maiores índices desse tipo de roubo era a Vila Cachoeirinha.

Segundo o delegado Jan Plzak, responsável pelo caso, a ofensiva contra esse tipo de crime deve continuar.

Gostou das postagens? Que tal compartilhar? Indique!
Clique acima e compartilhe por e-mail, Twitter, Facebook...