Hospitais do RS cobram taxa para que pacientes usem ventilador

Sofrimento dobrado para quem está internado pelo SUS no Hospital Vila Nova, em Porto Alegre. Além da doença, os pacientes são obrigados a enfrentar temperaturas que chegam quase a 40ºC.

Um absurdo. Não tem outra palavra. Dois hospitais do Rio Grande do Sul foram flagrados cobrando taxa para que pacientes do SUS possam usar ventilador.

Sofrimento dobrado para quem está internado pelo SUS no Hospital Vila Nova, em Porto Alegre. Além da doença, os pacientes são obrigados a enfrentar temperaturas que chegam quase a 40ºC.

“Me deu até febre, 38ºC de febre e ainda vomitei por causa do calorão”, conta uma mulher.

Mas aliviar o calor tem um preço. Quem leva o ventilador para o hospital precisa pagar uma taxa para usar o aparelho.

“A minha filha pagou R$ 20”, diz uma mulher.

Quem não tem dinheiro, sofre.

“Não, não tenho condições. Eu trabalho como carroceira”, lamenta uma mulher.

“De onde é que eu vou tirar dinheiro? Eu ganho auxílio-doença”, aponta outra mulher.

Conforme o recibo entregue pelo hospital a quem paga, a taxa seria espontânea. A cobrança é feita apenas aos pacientes do SUS. Paciente particular não precisa pagar.

O custo é o mesmo para quem quer ligar a televisão. Uma taxa menor é cobrada também no Hospital Parque Belém, na zona sul de Porto Alegre.

A Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre disse que mandou suspender a cobrança. E que o hospitais devem devolver o dinheiro aos pacientes. A administração do Hospital Vila Nova disse que a orientação dada aos funcionários era que a cobrança deveria ser voluntária. A direção do Hospital Parque Belém disse que desconhecia a cobrança.

Gostou das postagens? Que tal compartilhar? Indique!
Clique acima e compartilhe por e-mail, Twitter, Facebook...