Ser vizinho de posto de gasolina faz mal à saúde

Gases poluentes evaporam e contaminam o ar em um raio de até 100 metros, segundo pesquisa

Morar muito perto de um posto de combustível pode prejudicar a saúde, segundo uma pesquisa da Universidade de Murcia, na Espanha. De acordo com o estudo, os gases dissipados pelo combustível na hora em que os carros são abastecidos contaminam o ar em um raio de até 100 metros.

Os pesquisadores da Universidade de Murcia mediram os níveis de dois poluentes comumente encontrados na gasolina - benzeno e hexano - na área ao redor dos postos. Eles então compararam os resultados com a contaminação causada pelo tráfego normal de automóveis na região e descobriram que os níveis mais elevados de poluição estavam em torno dos postos.

Editora Globo

Gases tóxicos evaporam na hora do abastecimento

"Alguns compostos orgânicos que evaporam - como o benzeno, que aumenta o risco de câncer - foram registrados em postos de gasolina em níveis acima do recomendado para as zonas urbanas", explicou Marta Doval, da Universidade de Murcia, autora da pesquisa.

O estudo, publicado em dezembro na revista científica Journal of Environmental Management, recomenda que residências sejam construídas a uma distância de pelo menos 50 metros dos postos. Já edifícios mais sensíveis, como hospitais e escolas, deveriam ser construídos a uma distância de pelo menos 100 metros da fonte de poluição, de acordo com os cientistas.

Gostou das postagens? Que tal compartilhar? Indique!
Clique acima e compartilhe por e-mail, Twitter, Facebook...