É possível evitar vírus no pendrive e no PC quando ambos estão conectados?

Programas antivírus protegem tanto o computador quanto o pendrive de pragas virtuais

Programas antivírus protegem tanto o computador quanto o pendrive de pragas virtuais

 

O primeiro passo para não pegar vírus no computador e no pendrive é instalar um bom software de segurança nos dois equipamentos. Entre os antivírus gratuitos de proteção que mantêm versões que podem ser usadas tanto em computadores como nos aplicativos portáteis, destacam-se o Avast! e o ClamWin.

O Avast! U3 Edition é compatível somente com pendrives com tecnologia U3 USB Flash Drive, que permite instalar programas diretamente no dispositivo. O software não necessita de instalação para funcionar: roda diretamente no pendrive quando conectado no PC e protege ambos os dispositivos. Funciona para eliminar arquivos maliciosos já em ação no PC – desde que a máquina contenha Windows XP ou versão superior.

Já o ClanWin, antivírus de código aberto, pode ser instalado tanto no computador quanto no pendrive. Para realizar a tarefa, basta baixar o arquivo no site da empresa – a mesma versão para desktop funciona em aplicativos portáteis – e depois executá-lo no seu computador (dê clique duplo no ícone para começar a instalação). Siga as instruções que aparecem na tela até “Finish”.

A instalação do ClanWin no pendrive é um pouco diferente. O primeiro passo é baixar o software (que tem pouco mais de 30 MB) e salvá-lo onde desejar. Depois, espete seu aplicativo portátil na porta USB desejada. Clique duas vezes sobre o instalador do antivírus. Dê “Next” e indique a porta USB (em “Browse”) em que ele está “espetado”. Clique em “Install” e aguarde ele atualizar a versão, a biblioteca de vírus e o que mais tiver de fazer. Na sequência, clique em “Finish”.

Pronto, sua máquina e seu pendrive já estão equipados com antivírus.

Proteção extra

Entretanto, o cuidado com essas pragas digitais pode ir além desses softwares de proteção. Outro processo que pode minimizar a incidência de vírus nos equipamentos é impedir que o computador execute automaticamente o pendrive, quando este é "espetado" na máquina.

Para acabar com a execução automática no Windows (o processo também permite acabar com a reprodução automática de CDs e DVDs ou qualquer outro item de mídia que use o PC para funcionar), basta uns poucos comandos no sistema. No Windows 7 ou no Vista, deve-se entrar no menu “Iniciar”. Depois, “Painel de Controle > Hardware e Sons >  Reprodução Automática".

Escolha o que fazer quando um pendrive for inserido. As opções variam, mas as mais indicadas para aumentar sua segurança é“Nenhuma ação” e “Sempre perguntar”. Para usuários do XP, o processo é semelhante. Mas o caminho é diferente: “Configuração do Computador >  Módulos de Administrador  > Sistema". Lá, marca-se o item “Desativar AutoExecutar”.

Com isso, ao "espetar" o pendrive na máquina, você será perguntado sobre o que deseja fazer ou nada ocorrerá. Por meio do Windows Explorer, vá até a unidade em que está o aplicativo (porta USB) e clique com o botão direito sobre ela. Aparecerá uma janela com diversas opções. Normalmente, de acordo com antivírus instalado em seu PC, aparecerá a opção de escanear a unidade atrás de arquivos maliciosos (na imagem, o ClanWin se oferece para fazer o serviço).

Realize a varredura e, se nada for detectado, respire mais aliviado.

  • Reprodução

    Ao clicar com o botão direito na unidade que representa o seu pendrive no Internet Explorer, aparecerá a opção para "varrer" o dispositivo com o ClanWin em busca de vírus

 

Conheça dez programas básicos para levar no seu pendrive

Programas podem ser armazenados e executados diretamente de um pendrive

Programas podem ser armazenados e executados diretamente de um pendrive

Com a demanda cada vez maior por informações e por mobilidade, os pendrives se tornaram companheiros inseparáveis de boa parte dos usuários de computador. Basta uma porta USB e a transferência de informações entre máquina e mídia externa está garantida. Além de guardar seus arquivos, esses dispositivos podem ser úteis também para levar programas: eles podem ser armazenados e executados diretamente no pendrive, trabalhando em conjunto com o seu computador.

Práticos, os polivalentes pendrives são vendidos em diversas capacidades de armazenamento (os mais comuns têm entre 1 GB e 256 GB) e preços (a partir de R$ 20, em sites de comparação). Eles podem ser emborrachados, à prova d'água, de choque ou distribuídos como frágeis chaveiros -- alguns são bem bizarros. Mas, independente do modelo, pendrives precisam de cuidados especiais para não serem danificados.

Se você já tem o seu, conheça abaixo dez softwares essenciais, escolhidos e avaliados, e mais um pacote completo de programas para carregar e usar a partir de um pendrive. São utilitários, navegadores, programas de e-mail que você pode acessar quando estiver usando um computador sem esses softwares instalados. Veja a seguir:

1 - Skype Portable

Versão "pendriveana" do Skype, programa de comunicação instantânea que permite ligações telefônicas por meio de VoIP (voz sobre IP). Tem os mesmos recursos de seu irmão maior e, para rodá-lo, basta um duplo clique sobre o arquivo devidamente alocado na janela do dispositivo portátil.

2 - Microsoft Windows 7 USB/DVD Download Tool

Extremamente útil para usuários de netbooks e demais computadores que não possuem entrada de CD ou DVD, o Microsoft Windows 7 USB/DVD Download Tool permite reinstalar o sistema operacional por meio do pendrive. O programa tem 1 MB e apresenta interface simples, que guiam o usuário passo a passo como realizar o processo. Há um tutorial que explica como instalar o Windows 7 direto do pendrive.

3 - 7-Zip Portable

O 7-Zip Portable permite compactar e descompactar arquivos e armazená-los diretamente no pendrive. Oferecendo alta taxa de compressão, promete suporte aos formatos 7z, ZIP, GZIP, BZIP2 e TAR para compressão e descompressão. Para as extensões RAR, CAB, ISO, ARJ, LZH, CHM, Z, CPIO, RPM, DEB e NSIS, garante somente a descompressão. Tem versões em 63 idiomas.

4 - DirSync Pro

O DirSync Pro sincroniza pastas inteiras entre dois ou mais computadores utilizando o pendrive. O programa garante ainda a comunicação entre máquinas com sistemas operacionais diferentes (Win, Mac e Linux). A personalização é um dos seus trunfos, permitindo sincronizar itens de acordo com o tipo de arquivo, o local em que estão (subdiretórios, por exemplo) ou como back up.

5 - XMPlay

Com ridículos 300 kB, o XMPlay é um dos mais leves players de música da web. Permite que o usuário o leve facilmente no pendrive e roda direto do dispositivo, dispensando instalação. Caso deseje, o usuário pode colocar músicas no pendrive e tocá-las diretamente do aplicativo, tornando o pendrive uma discoteca ambulante (obviamente, para funcionar é necessário que esteja conectado a um computador).

6 - Mozilla Firefox Portable Edition

Praticamente idêntico ao irmão maior, o Mozilla Firefox Portable Edition é ideal para usuários que usam computador coletivos e que nem sempre têm o browser de código aberto instalado. Conta com gerenciador de downloads, com suporte a extensões, bloqueio de pop ups e outras funções de personalização que agradam aos usuários fiéis.

7 - Mozilla Sunbird: Portable Edition

Programa de calendário da Mozilla que pode ser levado para cima e para baixo -- embora não seja tão leve e portátil como se esperaria (tem pouco mais de 7 MB). Para usuários do gerenciador de e-mail Thunderbird e do navegador Mozilla Firefox, pode ser uma mão na roda, já que conversa com ambos os programas e informa as atividades do usuário. 

8 - OpenOffice.org Portable

Uma das opções para acessar arquivos de pacotes de escritórios em computadores públicos é apelar para o Google Docs. A outra é levar um conjunto de softwares dentro do pendrive. Para essa alternativa, há o OpenOffice.org Portable, compatível com o Office da Microsoft e que roda a partir do Java. Lento, mas quebra o galho em máquinas que somente tem o Bloco de Notas e o Wordpad instalado.

9 - ClamWin Portable

Antivírus que pode ficar instalado no próprio pendrive, evitando que as pragas virtuais assumam o controle do dispositivo de mídia. Tem um serviço de escaneamento rápido e conta com uma boa biblioteca de vírus. É importante ser atualizado constantemente - o que pode ser realizado praticamente toda vez que o pendrive é espetado em um PC com acesso à web.

10 - Winamp Lite Portable

O programa traz de volta tudo o que o Winamp para desktop foi um dia: limpeza, agilidade e facilidade de uso. Mas vai além: não requer instalação e conta com o sempre bom equalizador do programa e um sistema de lista de reprodução. Há muito pouco mais do que isso -- e que nem seria necessário. Tem suporte a MPEG, MP3, MID, MOD, WAV, VOC, OGG, AIF, WMA.

Pacotão extra - PortableApps Suite Standard

Provavelmente uma das ferramentas mais úteis para quem usa o pendrive profissionalmente. O PortableApps Suite Standard é um pacote com os principais softwares para dispositivos de mídia, podendo ser usado em, além de pendrives, iPod, HDs externos e outros.

Por meio de uma interface amigável de acesso, permite ao usuário trabalhar com as versões portáteis de Firefox (navegador) Thunderbird (e-mail), Sunbird (calendário), ClamWin (antivírus), Pidgin (messenger), Sumatra PDF (leitor de PDF), KeePass (gerenciador de senhas), Sudoku (jogo), Mines-Perfect (game), CoolPlayer+ (player).

Além disso, o pacote tem ainda OpenOffice.org (pacote office), Writer (processador de texto), Calc (calculadora), Impress (apresentações), Base (utilitário de banco de dados) e Draw (desenho vetorial).

 

Selecionamos dez programas que prometem deixar seu computador mais rápido

  • Getty Images

    Apague vestígios de programas desinstalados e até resolva problemas de registro

Com o tempo de uso, os computadores vão se tornando mais lentos e menos “espertos”. Motivos para isso não faltam: você acaba instalando centenas de programas e arquivos ao longo de anos de uso. Muitos deles nem mesmo são utilizados, só ocupam espaço no disco rígido e o tornam altamente fragmentado. Resultado: a máquina precisa de mais tempo para encontrar informações e diversos softwares são inicializados junto com o Windows – o que faz o sistema demorar ainda mais para carregar.

Para resolver esses problemas, há softwares que ajudam na manutenção no PC. Claro que eles não deixam a máquina como nova, mas geralmente conseguem dar um “gás” no computador, tornando-o mais rápido ao inicializar ou quando responde a comandos e tarefas diárias. Embora o Windows tenha assistentes nativos para realizar a maior parte dessa “faxina”, os principais programas da web são gratuitos, têm interface simples de usar e, melhor, costumam ser mais eficazes do que as ferramentas do sistema da Microsoft.

Selecionamos 10 programas que garantem a manutenção no PC, que prometem desde apagar vestígios de programas desinstalados até resolver problemas de registro, passando por desfragmentação de disco, melhor uso de memória e análise do HD, atrás de possíveis erros.Antes de iniciar o processo de limpeza, crie um ponto de restauração; assim, você pode retornar às configurações do computador caso algum erro ocorra após apagar os arquivos.

Glary Utilities

Um dos mais completos programas de limpeza no HD – apaga arquivos não usados, conserta falhas no registro, acaba com documentos duplicados – que agrada a diferentes níveis de usuário. Tem recursos avançados, como melhora do uso da memória e sistema que desabilita ou desinstala programas. A interface é simples: um sistema de “manutenção em um click” que realiza a “faxina completa” com um comando.

CCleaner

Famoso e muito utilizado, o programa tem como foco apagar arquivos e dados desnecessários ao sistema, tornando-o mais ágil. Com poucos comandos, e interface em português, o CCleaner acaba com “porcarias” armazenadas no registro do Windows, cookies do navegador, dados de backup, históricos de programas de bate-papo e de documentos recentes.

Regseeker

Com foco no registro do sistema, o programa limpa essa área de funcionamento do Windows. Além disso, exibe informações de entradas de inicialização e relata os aplicativos instalados. É um excelente caçador de arquivos duplicados. Um dos trunfos do Regseeker é seu painel, que permite a usuários avançados realizar ajustes no sistema operacional.

OneClick Cleaner

Simples demais, o OneClick Cleaner poderia ter um “easy” ou “fácil” no nome. Trata-se de um pequeno executável que praticamente descarta instalação. Basta baixar, clicar sobre ele duas vezes e pronto, ele está pronto para limpar o disco do computador. Tem interface simples e fácil de usar e pesa somente 500 kB. Além de não ter muitas funções, seu outro ponto negativo é que somente tem versões 100% funcionais em Windows XP, 2000 e Vista.

BeClean

Fácil de usar e eficiente, o BeClean é um pacote que conta com diversas ferramentas para realizar a faxina no computador. Ao clicar no botão “Start Cleaning”, o software consegue – de acordo com o pedido do usuário – limpar registros, vestígios de navegação, históricos de internet, área de trabalho e menu Iniciar do Windows.

Clean N' Optimize

Ao contrário do BeClean, o Clean N' Optimize é completo e, de tão poderoso, pode até causar certa confusão em usuários iniciantes. O programa limpa o sistema, permite personalizar as opções de faxina, tem suporte a navegadores e a programas de mensagens instantâneas e tem um eliminador de arquivos embutido que os apaga de uma vez por todas.

Extreme Cleaner

Programa simples de usar, que possui funções como limpeza e otimização de registro. Um de seus diferenciais perante os concorrentes é o excelente assistente de criação de ponto de restauração do sistema - caso algo dê errado em alguma operação, ele permite que o usuário “volte no tempo”, tornando a máquina o que era antes do processo desastroso.

Portinho

Brasileiro e muito simpático, o Portinho é um software que, embora não seja revolucionário, é bastante cumpridor. Sua tela inicial leva ao usuário a três opções que resumem suas características: liberar espaço em disco, aumentar a privacidade e aumentar o desempenho do PC. O botão “Analisar” é o ponto de partida para qualquer uma dessas três opções.

MV RegClean

Outro programa desenvolvido por um brasileiro e que tem bastante aceitação por parte dos usuários. O MVRegClean limpa o registro do Windows, o que torna a inicialização do sistema mais rápida. Se o computador estiver travando por problemas nessa área do OS, o software também costuma ajudar. Permite criar ponto de restauração.

Mr. RegClean

Um dos programas mais seguros – porque atuar no registro do sistema não é tarefa fácil e pode danificar o Windows seriamente – quando o assunto é limpeza da máquina. Isso porque ele procura apagar somente arquivos inválidos, que estariam ligados a certos programas, caso estes ainda estivessem no computador. Garante execução rápida de alguns programas e acesso facilitado do sistema a softwares e tarefas.

Gostou das postagens? Que tal compartilhar? Indique!
Clique acima e compartilhe por e-mail, Twitter, Facebook...